12 agosto 2009

e é assim que tudo começa...

video
...pois então...pelo que sabemos, tudo tem um início e a maneira mais simples de dar início ao início é chamando por ele...




vinheta de abertura do DVD "PUPURRI - para o público morrer de rir" espetáculo teatral do Brancaleone realizado em 2008 no espaço cultural "O Quintal". A captação de imagens e edição do video do espetáculo foi feito pelo futuro reconhecido como grandioso cineasta Murilo Alves...e para tentar tirar o velho Brancaleone dos aluguéis atrasados estamos disponibilizando ao público em geral por uma módica quantia...quer ser o fiel guardador de um deles entre em contato conosco...deixando logo abaixo um comentário externando tal interesse...a família endividada agradece...

3 comentários:

Anônimo disse...

"e começo aqui e meço aqui este começo e recomeço e remeço e arremesso e aqui me meço quando se vive sob a espécie da viagem o que importa não é a viagem mas o começo da por isso meço por isso começo..."

C o m e ço
do começo das galáxias intermináveis.
Para se comer
e ler e viajar.

Anônimo disse...

Ah! Esqueci: o autor é Haroldo de Campos.
Pessoal, vamos incentivar o trabalho do grupo, isto é, ir aos espetáculos, comentar aqui no blog, ajudar financeiramente.... sem o público não tem espetáculo.

borbonhoca disse...

obrigado sr ou sra Anônimo...muito bom o poema...e é claro que o público é a razão da arte...e que o público não se torne privado...e nada de privar o público...é por isso que publico aquilo que não privo de ser público...

esta fala aí é do próprio borbonhoca...

Cuidado que ainda está quente!!

É um absurdo o tédio da vida moderna !!!
E nós resolvemos fazer um blog - ou seria um diário?- de galhofa para galhofeiros.
Dois pontos, entre outros, são difíceis nesta façanha:
Primeiro, a concorrência com o nosso maior plagiador "Cirque du Soleil" e segundo fazer galhofa num país onde ultimamente todo mundo se leva terrívelmente à sério.
Não! Não vamos desperdiçar seu "valioso tempo" narrando as desventuras desse esfarrapado exército contra o gigante deus do Mercado... pois você não entrou nesse diário - ou seria um blog? - para ouvir lamúrias e nem vamos achar que humor é coisa tão importante a ponto de derrubar o governo de Omã, se é que lá tem governo.
Queremos com esse diário-revista-jornal-blog-gibi apenas cutucar embaixo do braço do ser humano pra ver se o "infeliz" acorda !!

Ass: Brancaleone
Somos um exército de feios, sujos e esfarrapados...palhaços de um circo sem lona que tem o Sol, a Lua, a Chuva, a Rua, a Praça e o Povo... Que são espectAtores daquilo que realizamos...